No dia em que a 'troika' apresentou o programa de resgate a Portugal, um dos directores explicou os detalhes ao Económico.

Em entrevista ao Económico, Poul Thomsen, o director do FMI responsável pela missão de resgate a Portugal, adiantou que o empréstimo de 78 mil milhões de euros que estará prestes a ser aprovado para libertar a economia portuguesa dos actuais estrangulamentos financeiros terá um período de maturidade de 13 anos.





"Há um período de carência de três anos e depois há um período de devolução de cerca de 10 anos. No total são 13 anos", explicou Thomsen.

O responsável da troika adiantou ainda que a taxa de juro que será cobrada vai variar consoante as condições de mercado. Contudo, como referência, podem ser tomados os valores de "3,25% nos empréstimos com maturidades entre três e quatro anos e de 4,25% para os empréstimos com maturidades mais longas", explicou.

Fonte: Economico