O investimento é uma opção para quem quer aumentar o seu rendimento. A construção de uma política de investimento de sucesso requer tempo, paciência e algum esforço. É um processo evolutivo, sendo essencial começar pelo princípio para depois poder evoluir para a edificação da casa. Ter as finanças familiares organizadas é essencial para iniciar os investimentos.





Com a ajuda do livro Manual das Finanças Pessoais de João Pessoa Jorge e Ricardo Ferreira, conheça algumas estratégias de investimento e aplique-as:

1- Subscrição de alguns activos
Subscreva alguns activos considerados "sem risco", nomeadamente depósitos a longo prazo com taxas atractivas, ou fundos de obrigações de governos.

2- Compra de ETF
ETF é a abreviação de Exchange Trade Fund, que é uma unidade negociável na Bolsa de Valores como se fosse uma acção, mas que reúne um número variável de títulos. A compra de ETF de acções e obrigações é uma boa aposta.

3- Evite o investimento directo
É de evitar o investimento directo em acções. Procure as grandes classes de activos, cujas dinâmicas são mais fáceis de dominar.

4- Investimento em matérias-primas
A subscrição de fundos de investimento em matérias-primas será igualmente uma boa aposta, no entanto, é aconselhável recorrer a um investidor profissional.

5- Evitar mexer na carteira
Dadas as penalizações ao nível de comissões e impostos sobre as mais-valias, evite grandes mexidas na carteira.

6- Evitar adivinhar os momentos de entrada e saída dos mercados
Procure não tentar adivinhar os momentos de entrada e saída dos mercados e limite-se a fazer reforços esporádicos e ajustes ligeiros com o tempo.

7- Não precisa ser melhor que os outros
Procure antes retornos médios mas que, ao longo do tempo, sejam consistentes. É mais importante reduzir a queda do que procurar grandes lucros fora do normal. Uma poupança regular irá crescer de forma gradual com o impacto da composição de juros. Basta começar cedo, por mais pequeno que seja o investimento, e deixar que o tempo faça o resto.

8- Saiba mais sobre economia
Estude e aprenda mais sobre economia e as suas características no que diz respeito ao investimento, mas não perca demasiado tempo. Este é um bem escasso e, por isso, deve ser aproveitado ao máximo.

9- Use o bom senso
Muitas vezes, o bom senso é uma arma bem mais poderosa que a inteligência. Use-o de forma inteligente. Estes dois elementos juntos dão-lhe grande probabilidade de sucesso.

10- Se for necessário, não invista
Não necessita passar a vida a investir, até porque nem sempre existem boas oportunidades de investimento.

11- Evite o recurso ao crédito
Não invista, constantemente, com recurso a crédito. Apesar de existirem boas aplicações, torna-se arriscado investir com recurso a dinheiro de terceiros. Lembre-se que nem todos os dias são de ganhos e, eventualmente, pode chegar a altura de ter de pagar o empréstimo e não ter dinheiro suficiente para isso.

Fonte: iSabe